Apesar de uma leve retração em novembro, o IBCr dos três Estados cresceu 2,19% no período
Da Redação redacao@amanha.com.br / 17.1.20

O nível de atividade econômica do Sul recuou 0,37% em novembro, de acordo com dados divulgados pelo Banco Central. No Brasil, a variação do mês foi positiva, de 0,18%, influenciada pelo aumento de seis Estados, dos treze avaliados. No mês, o destaque positivo da região ficou para o Rio Grande do Sul que obteve um índice de 0,65%. A maior retração do mês ocorreu no Paraná (-1,73%). Minas Gerais (-0,87%) e São Paulo (-0,78%) também tiveram quedas significativas. Santa Catarina, por sua vez, viu seu nível de atividade econômica, índice tido como uma prévia do PIB, ficar negativo em 0,35% (veja quadro detalhado no final desta reportagem).
Porém, os números do BC revelam que, no acumulado do ano, o indicador do nível de atividade catarinense registrou uma expansão de 2,21%, o que deixa o Estado na quarta colocação no ranking de crescimento econômico em 2019. O Paraná é o sexto, com 2,19%, e o Rio Grande do Sul o sétimo (+1,83%). No ano, todas as regiões apresentam variação positiva, sendo que os melhores desempenhos estão no Norte (+4,62%) e Centro-Oeste (+2,59%). O Sul avançou 2,19% no acumulado anual até novembro. No cenário nacional, a variação de janeiro a novembro de 2019 em relação ao mesmo período do ano anterior foi de 0,95%, na série sem ajustes sazonais.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *